Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2009

desabafos

tudo o que eu queria era gritar hoje, saber de você, preciso ouvir tua voz, mas eu sei o quanto isso me faria mal! você corresponde ao meu amor, só não sabe demonstrar(eu acredito nisso) no meu peito, um grande vazio, acabou, e você não existi mais, é estranho olhar para os lados e perceber q você foi só um sonho, um sonho que pareceu uma vida inteira, um sonho lindo, um conto de fadas e eu era uma Cinderela sem sapato, você um príncipe perdido, e mesmo assim foi o conto de fadas mais lindo, mas foi tudo um sonho, e já não há mais eu e você, agora é só eu, e só você em algum lugar que nem eu sei ao certo, e nem sei se vale a pena saber! só quero ser feliz, e quero que você seja, se for sumir, me diz q ta tudo bem porque eu ainda acredito em você.

vanp

Eu era intenso, eu era vivo, eu era oito ou oitenta, comigo não havia meios termos até eu amar, quando amei aprendi milhares de coisas, boas e ruins, mas, me transformei em algo que não era eu, definitivamente não, virei meio termo. Aprendi a não dizer o que queria, a controlar minhas emoções, aprendi a dosar minhas vontades, a dizer talvez, a ficar em cma do muro, aprendi a não tomar minhas proprias decisões, e eu não era assim, esse não era eu, e talvez por isso a rejeição de mim mesmo tena sido tão grande, Eu precisava de novo ser oito ou oitenta, sem meios termos, mas eu ja não sabia quem eu era, ai te conheci, uma pessoa simples ou complicada depende de quem olha, ou de quem convive, que diz sim e diz não, uma pessoa sem meios termos que me ergueu esmo também tendo os seus problemas, quez eu recuperar parte de mim, e muito mais, por que ela me fez ver que nem eu era ainda tão intenso como achava, ela não tinha meio termo, ela também nem era oito e nem era oitenta porque oito é po…

Seguir Em Frente

Acho que eu deveria saber o que é melhorPara acreditar que a minha sorte mudouEu deixei meu coração pra sempreFinalmente aprendemos os nomes de uns e de outrosDigo a mim mesmo, "Desta vez é diferenteSem adeus,porque eu não posso ousar dizê-lo "Eu nunca vou sobreviver com o que está por virSe eu ficar,não!Basta seguir em frente!e não olhe para trásPois se o meu coração se partir,vai machucar tantoVocê sabe que eu sou forte, mas eu não posso aguentarAntes que seja tarde demais apenas siga em frente!(Seguir, seguir em frente)Eu realmente queria poder culpar-loMas eu sei que não é culpa de ninguém (não, não, não, não) Uma Cinderela sem sapatoE um príncipe que não sabe que este se perdeuEsse vazio é tão familiarCada adeus, só a mesma velha cançãoMas desta vez não vou me renderPorque eu já estou indo!Você sabe que eu sou forte, mas não posso lidar com isso.Antes que seja tarde demais,apenas siga em frente!vou para longeVou seguir em frenteEu tenho que deixar passar,Começar a prote…

Quando Havia Eu E Você

É engraçado quando você se vê
Olhando pelo o lado de fora
Estou aqui mas tudo que eu quero
É estar ali
Por que me deixei acreditar
Que milagres podiam acontecer?
Porque agora eu tenho que fingir
Que não estou nem aí...

Eu achei que você fosse
Meu conto de fadas
Um sonho quando
Eu não estou dormindo
Um pedido feito às estrelas
Que está se realizando
Mas todo mundo podia perceber
Que eu confundi os meus sentimentos
Com a verdade
Quando havia eu e você.

Eu jurei que conhecia a melodia
Que ouvi você cantando
E quando você sorriu, você me fez sentir
Que eu poderia cantar junto
Mas aí você foi lá e mudou as palavras
E agora meu coração está vazio
E eu fiquei com o que sobrou
E uma música antiga.

Agora eu sei que você não é
Um conto de fadas
E que os sonhos são feitos
Para quando se está dormindo
E que os desejos feitos as estrelas
Não se realizam
Porque agora até eu posso perceber
Que confundi meus sentimentos
Com a verdade
Porque eu gostei da visão
Que você representava.

Não consigo acreditar, que eu podia ser tão cego
Era com…