Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2017

Movimentos.

Tudo escuro, fones no ouvido, musica alta, incapaz de ouvir seu próprio pensamento, sente as batidas, pulsa no corpo, parece o coração do lado de fora, meias nos pés, lápis no olho, não ele não saiu de casa,só quera se curtir, acende vela o cheiro de baunilha, muda a musica, suave agora, balança lentamente, gira... dança dentro do quarto ninguém pode te julgar, NÃO CANTA! as pessoas não podem te ouvir... não agora... essa musica é só sua! dança... sente suor descendo, os deuses observam, os gatos em cima da cama observam como se quisessem entrar, correm na cama, miam... eles podem cantar ninguém entende, mas você está sendo julgado. DANÇA!

Se...

Sofri um acidente, foi feio por fora mas por dentro ficamos todos a salvo, ouvia as pessoas falando ao redor enquanto segurava minha sobrinha nos meus braços, todos falavam sobre "se"... "Se fosse um pouco mais pra trás teria sido desse jeito", "se fosse mais pra cima teria sido de outra forma", "se você não estivesse no carro seria fulana de tal"... se... comecei a perceber que sofremos mais de "se" do que sofremos do foi! poderiam ter sido de várias formas, mas foi daquele jeito, caiu onde tinha que cair e quebrou o que tinha que quebrar, fim! Não vou mais viver de "se" vou viver foi! e foi assim que voltei a escrever....